Links Rápidos :

[ Painel Fechamento ]

[ Premoldados ]


01. Quando escolher por laje alveolar?


Normalmente a escolha pela laje alveolar leva em conta os seguintes parâmetros :

Área mínima de lajes.
Sob o ponto de vista de área mínima, a laje alveolar fica realmente econômica a partir dos 250 m² de área de obra. É possível executar obras de 100m², porém, o custo de montagem da laje (custo com guindaste ou munk) será diluído em uma área menor, e portanto, o custo por m² de obra será mais elevado.

Vão de laje.

- Vãos menores que 5,0m : A laje alveolar é uma opção para obras que necessitem de velocidade (dispensa a utilização de escoramentos), lajes com sobrecarga elevada, ou obras com pé-direito elevados (grande custo de escoramentos). Lajes que utilizam escoramentos costumam ser mais econômicas nesta faixa de vão;

- Vãos de 5,5m a 7m : A laje alveolar apresenta custos bastante competitivos;

- Vãos acima de 7m : Normalmente a laje alveolar é uma excelente opção em termos econômicos.

Sobrecarga.
A laje alveolar é especialmente interessante para :
- Vãos menores que 5,0m - sobrecargas >= 500Kgf/m²;
- Vãos maiores que 6,0m - qualquer sobrecarga.

Velocidade de Montagem.
O índice usual de montagem é de 300m²/dia por equipe de montagem.
Por dispensar escoramentos, a opção por lajes alveolares acelera o ritmo da obra, liberando os pavimentos rapidamente para os serviços de acabamento.

Acabamento inferior.
A laje alveolar apresenta excelente acabamento inferior, dispensando serviços adicionais para a maioria das aplicações.
Estuque é comum em obras de alto acabamento, com superfície de concreto aparente.

>Voltar para o início<


02. Qual a altura ideal para cada pano de vão/sobrecarga ?


Um erro comum é achar que quanto menor o h da laje mais econômica ela é.
A armadura protendida de uma laje alveolar é dividida em cerca de 10 a 12 classes.
As primeiras 6 classes são as mais econômicas.
A partir daí, se a arquitetura permitir, prefira trabalhar com um h maior de laje.

Uma segunda vantagem em trabalhar com h maiores é que estas combatem melhor a sensação de vibração comum em lajes muito esbeltas.

>Voltar para o início<


03. Como é produzida a laje alveolar ?


A laje alveolar é produzida com um tipo especial de aço, denominado aço para protensão.
É produzida em pistas com 150m de comprimento em um único painel, por extrusão, e depois cortada.
As fotos abaixo ilustram o processo de fabricação dos painéis alveolares.

Obras com Laje Alveolar.

1 - Cordoalha - aço para protensão.
2 - Cabeceiras de protensão.
3 - Pista de 150m, com laje alveolar já extrudada.
4 - Pista de 150m, com cordoalhas sendo posicionadas para fabricação de lajes.
5 - Macaco de protensão de cordoalhas.

>Voltar para o início<


04. Como são recortados os painéis alveolares ?


Corte de Painéis Alveolares.

Os painéis alveolares são cortados por discos diamantados, em qualquer dimensão ou ângulo de corte, em máquinas especiais para este fim.










>Voltar para o início<


05. O que é contra-flecha? Quanto é a contra-flecha da laje alveolar?


Os painéis alveolares apresentam um leve curvatura para cima no meio do vão, devido às cargas de protensão e a esbeltez dos painéis alveolares. Esta curvatura é denominada por contra-flecha.

As contra-flechas são, basicamente, geradas de acordo com o módulo de elasticidade do concreto na hora de liberar a protensão e corte dos painéis alveolares (Fase de Fabricação).

Atualmente não exitem parâmetros de norma para contra-flechas.

Dado um mesmo projeto, um mesmo fck de fabricação de lajes alveolares, as contra-flechas podem variar de acordo com :

Durante a fabricação :

- A quantidade de água : o módulo de elasticidade inicial do concreto que é extremamente sensível à quantidade de água do concreto;
- A temperatura média do dia em que foram fabricadas;
- O tempo em que os painéis alveolares ficaram sem carga de protensão (durante o processo de fabricação);
- O vão, que quanto maior, mais difícil é controlar as contra-flechas.

Pós-fabricação :

- A contra-flecha pode ainda alterar durante o transporte das peças da fábrica até a obra.

Como vemos, é difícil pré-determinar ou controlar a contra-flecha em peças protendidas tão esbeltas como as lajes alveolares.

Após a concretagem do capeamento, com o peso próprio do mesmo, a contra-flecha tende a diminuir.

Olhando-se por baixo é difícil se verificar esta curvatura. Recomenda-se medir antes de concretar o capeamento para verificar o capeamento médio das lajes alveolares.

>Voltar para o início<


06. Quais os cuidados no transporte dos painéis alveolares ?


O principal cuidado diz respeito ao empilhamento de painéis alveolares :
1. Os painéis devem ser empilhados separados por peças de mesmas dimensões (obrigatoriamente).
2. Os apoios devem ficar em torno de 30cm das extremidades painéis alveolares.
3. Os apoios dos painéis devem ter o mesmo alinhamento, evitando que as peças superiores sobrecarreguem as inferiores.
4. Manter pilhas distante uma das outras pelo menos 10cm, para evitar que colidam durante o transporte.

Transporte de Laje Alveolar.

>Voltar para o início<


07. Como é feita a montagem dos painéis alveolares?


Montagem de Lajes Alveolares.

Para dimensionamento de equipamento de montagem, considerar :

Peso próprio do painel alveolar
h16 : 220 Kgf/m².
h21 : 270 Kgf/m².
h26 : 270 Kgf/m².
h30 : 270 Kgf/m² (idem h20).
h40 : 350 Kgf/m².


A montagem é feita colocando-se um painel encostado no outro.

O capeamento acrescenta cerca de 150 Kgf/m² ao peso dos painéis.











>Voltar para o início<


08. Qual o apoio mínimo dos painéis alveolares?

Para apoio mínimo sobre as vigas, considerar :
h16 - 8 cm.
h20 - 10 cm.
h30 - 10cm a 15 cm, de acordo com a sobrecarga.
h40 - 15cm a 20 cm, de acordo com a sobrecarga.

>Voltar para o início<


09. Preciso engastar a laje alveolar na estrutura?

As lajes alveolares trabalham com apoio isostático em 90% dos projetos, sem engastamento nas vigas de apoio.

Em casos especiais é possível incorporar a armadura do capeamento à armadura das vigas, fazendo-se as vigas trabalharem em seção tipo "T".


>Voltar para o início<


10. A Laje Alveolar dispensa o uso de escoramentos ?

Esta é uma das grandes vantagens em se trabalhar com a laje alveolar.
A laje dispensa escoramentos em todas as etapas construtivas, para vãos de até 19m (h40).


>Voltar para o início<


11. Como é feito o capeamento?
       Quais as funções do capeamento da laje alveolar?

O capeamento deve seguir as seguintes etapas executivas :

1. Alinhamento de contra-flechas.

Executado com um torniquete no meio do vão ou em três regiões do vão da laje, conforme foto abaixo.

ATENÇÃO : Esta etapa é de fundamental importância para um bom acabamento na superfície inferior da laje.

Algumas obras não executam o alinhamento por acreditar que as lajes já vieram com bom alinhamento de fábrica. Porém, com o peso de concretagem do capeamento as contra-flechas podem se acentuar, e a laje ficar visivelmente desalinhada pós cura do concreto de capeamento.

Torniquetes de Alinhamento.



2. Concretagem dos vãos entre os painéis alveolares.

Nesta etapa sugerimos executar da seguinte forma:
- Preencher com uma argamassa seca o fundo do vão entre os painéis.
  Tem a função de evitar que nata escorra para o fundo da laje, quando do lançamento do concreto de capeamento. - Preencher o vão entre as lajes com argamassa de cimento convencional.
- Retirar os torniquetes.

Pronto, a laje estará alinhada e solidarizada, pronta para receber o concreto de capeamento estrutural.

3. Lançamento da tela de capeamento.

Lançar a tela de capeamento conforme projeto executivo.
A tela tem a função de distribuir a sobrecarga entre diversos painéis de laje alveolar.

4. Lançamento do concreto de capeamento.

Lançar o concreto de capeamento conforme projeto estrutural.
Normalmente o concreto de capeamento é de 5cm. Porém, como os painéis alveolares têm contra-flecha, recomenda-se estimar em 6,5cm de espessura média de capeamento (lâmina média), sendo 5cm no meio do vão e 7cm nas extremidades.

Principais funções do capeamento.

O capeamento da laje alveolar tem basicamente duas funções :
- Função estrutural : contribuí na resistência final da laje.
- Função de acabamento : nivela a laje, deixando-a pronta para receber o piso.
Em algumas obras opta-se por utilizar o capeamento como piso final.



>Voltar para o início<


12. É possível dispensar o uso de capeamento na laje alveolar ?

Para lajes de forro é comum dispensar a utilização do concreto de capeamento.
O custo dos painéis alveolares aumenta, devido à perda da contribuição do capeamento para a resistência estrutural da laje.
Porém, a laje resultante fica ligeiramente mais barata que a laje com capeamento.


>Voltar para o início<


13. É possível fazer furos na laje alveolar para passagem de tubulações?

É possível desde que não se rompam as cordoalhas protendidas da laje.
Pode-se furar para utilizar os alvéolos dos painéis para passagem de instalações.
As armaduras protendidas não ficam na região dos alvéolos.


>Voltar para o início<


14. Outras dúvidas? Análise de projetos? Solicitações especiais?

Fale conosco.
Teremos prazer em estudar a melhor solução para a sua obra!


>Voltar para o início<